segunda-feira, 14 de março de 2016

OS ANCIÃOS ( NOVO TRECHO)

     Ambos o acudiram de imediato. Ele se encontrava estirado no chão, imóvel. Por mais que o chamassem, não retornava.
   Examinaram-no. Aparentava estar morto.
   O homem olhou Ptah com aflição,imaginando o desespero do pai e voltou a procurar por sinais de vida.Nenhum.
   Uma desgraça teria ocorrido?
   Após um tempo, dois outros homens vieram até eles, apressando-se ao verem a cena preocupante.
   - O que houve com ele?  perguntaram .
   Ptah limitou-se a fitá-los em silêncio, incapaz de falar e reagir.
   - Vamos até o povoado  .-decidiram.
   Pegaram o jovem nos braços e o carregaram com cuidado. Ele permanecia inerte, a cabeça levemente caída, os cabelos castanhos desalinhados, o corpo frio.
   Recusando-se a pensar, Ptah sentia o peito oprimido, cheio de pressentimentos assustadores. Já imaginava a chegada, a reação da mãe, o pavor tomando conta dela.
   O pequeno grupo deslocava-se rapidamente, tentando ter alguma esperança, vislumbrar ainda uma possibilidade.


                              *************************



0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial