quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Arte da Escrita

A página em branco é luz onde lançamos sombras impressas.Sombras que iluminam a luz do branco em branco silêncio ruidoso. Branco que reverbera na penumbra dos alfabetos.Branco que espelha o reflexo da letra nos confins do inominado. Toda escrita é âmbar e pátina na ferrugem do eterno. Toda escrita é jogo de luz e sombra.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial