quinta-feira, 27 de março de 2014

METAMORFOSES- Final

Entre a descrença de uns e o desespero de outros,Sonam mergulhou no emaranhado daa floresta sem temer,disposto a exterminar o perigo da aldeia para sempre.
Procurando pistas,rastros,algum sinal da besta, foi se distanciando cada vez mais.
Com a demora, uma expectativa começou a crescer entre os moradores do lugar.Alguns tinham certeza de que fugira apavorado,desaparecendo em definitivo do lugar.Já as mulheres entraram num estado de torpor e desolação,acometidas de uma tristeza irreparável.Nada mais poderia consolá-las,neste mundo ou fora dele.Estavam perdidas,atoladas no limbo.Só em pensar que não mais o veriam,preferiam deitar-se e morrer.
Diversos dias se passaram até perceberem o cessamento do problema.Nenhum animal estraçalhado voltou a aparecer.Nenhum homem foi cruelmente assassinado.
Após mais algum tempo,convenceram-se do extermínio do monstro.Só aí se deram conta de que,de algum modo,Sonam de fato conseguira.Estavam salvos.
A não ser as mulheres que foram enlouquecendo uma a uma definitivamente de modo irrecuperável.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial