terça-feira, 24 de junho de 2014

MITO E LITERATURA - parte I

A mitologia está intimamente ligada ao mundo literário.Primeiro na literatura oral e,a seguir,quando passou a ser registrada de modo escrito.Considerada uma linguagem sagrada,a poesia era uma linguagem associada ao mítico e ao mágico,à inspiração divina.E tendo uma fonte, divina,os textos não poderiam ser modificadas,tendo se ser transmitidos sem alterações.
   A poesia épica é,sem dúvida,resultado disso.
   No entanto,o mito,ao longo do tempo,foi sendo compreendido de diferentes maneiras.
   Coloco aqui alguns dos principais conceitos desenvolvidos em diferentes épocas bem como posicionamentos referentes ao pensamento mítico:

PLATÃO: De acordo com o filósofo,não se deveria apreciar os mitos por considerá-los algo falso.O mau comportamento dos deuses seria péssimo exemplo uma vez que os mitos têm o poder de construir a cultura.
XENÓFANES DE COLOFÃO: A cultura é que constrói o mito.
METRODORO DE LÂMPSACO: Considerava os deuses como manifestações da natureza,representações de ações físicas e reflexões a respeito da natureza humana,alegorias.
ARISTARCO DE SAMOS: Entendia os mitos como uma abordagem literária,representação exagerada,licença poética.
EVÊMERO: Segundo ele,as histórias seriam baseadas em personagens históricos que foram endeusados.

Na segunda parte,colocarei a visão moderna a respeito do tema.



 

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial