sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

A Arte dos Upanishades

Onde estou
não há estar
nem mesmo medida,
só o modo de aumentar
minha própria despedida.

Onde estou
não corresponde
à espécie de outrora,
apenas não esconde
o mapa do agora.

Onde estou
não ofende
nascimento ou morte,
mas de fato compreende
tanto o sul quanto o norte.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial