sábado, 7 de maio de 2016

ARTE

Lá onde o imponderável
se redesenha
em graça,cor e forma,
lá onde o espírito inflama
as carnes do transitório,
lá converte-se em aqui,
no sensorial dos impossíveis.

( Escultura: Camille Claudel

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial