quarta-feira, 15 de outubro de 2014

INTÉRPRETE DE MALES , de Jhumpa Lahiri

   Nove contos compõem o livro INTÉRPRETE DE MALES da autora indo-americana Jhumpa Lahiri.Os seus contos vão muito além do choque de culturas.Eles retratam pessoas comuns em situações onde sempre há certo grau de inadequação.Seus personagens parecem deslocados no espaço que ocupam ou na vida.Pequenos gestos,acontecimentos aparentemente triviais vão revelando conflitos,angústias,dificuldades que são próprias da condição humana.Por isso mesmo,são  textos universais,ultrapassando a questão de imigrantes ou nativos da Índia.
   De modo consistente,com talento e habilidade a autora vai desenvolvendo suas histórias,revelando ao leitor situações delicadas com muita sensibilidade.Não é difícil se deixar envolver pelos seus personagens,não raro desenvolvendo uma profunda empatia com eles,compreendo os seus problemas e questões.
    O primeiro conto,por exemplo,intitulado UMA SITUAÇÃO TEMPORÁRIA, se desenrola a partir de um fato banal como falta de luz.E revela as dificuldades de relacionamento do casal  Shukumar e Shoba até o desenlace que se não é trágico,deixa uma certa tristeza no ar.
   Em contos como QUANDO O SR. PIZARDA VINHA JANTAR e A CASA DA SRA. SEN, logo nos encantamos com o ponto de vista da infância e  com os adultos retratados,envolvendo-nos efetivamente com eles e desejando que os contos sejam mais longos para podermos desfrutar da companhia deles.
   Todos os contos são de grande qualidade e de leitura deliciosa.
    O livro ganhou o Prêmio Pulitzer e mais  outros quatro prêmios.
    Mias uma leitura que recomendo.
 

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial