sábado, 9 de agosto de 2014

MORTE

Enquanto
vai roendo
a extrema-unção do instante,
a morte
 arranha
a vida.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial