sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Fronteiras

Cercas e cravos
rondam o aberto,
delimitam nomes
e caminhos.

Mais vale
o enigma da busca
a furtar da fronteira
o seu mapa.

Novas topografias surgem
na intersecção das esferas.

Sempre é longe
quando
viver se ultrapassa.

(foto:  Cleber Pacheco)

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial