sexta-feira, 23 de maio de 2014

REAL

(Poema extraído do livro  PEQUENO TRATADO SOBRE O GRANDE NADA & OUTRAS INSIGNIFICÂNCIAS)

Nenhuma poda,
Nenhum reparo,
Sequer sede,
Só o retiro.

Todo relevo,
Toda miséria,
Do esquivo,
Justo a memória.

Do retiro,
apenas o seco,
Do avaro,
Quase o rico.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial