sexta-feira, 11 de abril de 2014

LIRAS

Por ora
o dia se sustenta
entre
o ruído das pedras
e o canto dos pássaros.


Acatam,
nossos ouvidos,
melodias
que nem mesmo
Orfeu
ousaria imaginar.

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial